Mia Khalifa diz que foi intimidada a gravar cena com hijab: "Vão me matar"


A ex-atriz pornô Mia Khalifa - hoje comentarista esportiva - falou sobre sua cena mais polêmica no mundo dos filmes adultos. Ela fez fama por conta de um filme em que aparecia fazendo sexo trajando hijab, o que inclusive gerou ameaças de morte. Mia disse à BBC que teve ressalvas em gravar com a vestimenta e que foi intimidada pelos produtores. Mia teve sua origem árabe usada como tema de um de seus filmes e foi questionada em entrevista ao BBC Hard Talk: "Você usou o hijab e, claro, as coisas se desenrolaram para uma cena de sexo. Você devia saber o quão provocativo era, não?"

A libanesa radicada nos EUA confirmou: "Eu verbalizei para eles: 'Vocês vão me fazer ser morta'. E eles apenas riram".

Questionada por que não desistiu da cena, ela explicou: "Intimidação. Eu estava assustada. Eu sabia que se eu dissesse 'não'... Sabe, eles não vão te forçar [a fazer sexo], chegar a esse ponto seria estupro - e ninguém vai te forçar a fazer sexo. Mas, eu ainda estava assustada." 

"Você já se sentiu nervoso para falar a algum garçom no restaurante que sua comida não está boa, quando ele vem e diz: 'Como estão as coisas?'. Eu fiquei intimidada, eu estava nervosa", completou. Mia compartilhou nos stories de seu instagram o trecho da entrevista.




Em 2017, ela disse na rádio The Sports Junkies que recebeu ameaça de morte do Estado Islâmico por conta do polêmico vídeo. Mia ainda falou sobre a pornografia e salientou que o que se vê nas telas não é a realidade. "Claro que a pornografia afeta relacionamentos. Vício em pornografia é algo muito preocupante nos EUA. O que homens veem em vídeos, eles esperam das mulheres em suas vidas, e aquilo não é a realidade. Ninguém terá aquela perfeição, ou vai agir daquela forma numa quarta-feira à noite com alguém que ama." Na semana passada, ela falou em entrevista a uma coach quanto ganhou em sua curta carreira na indústria pornográfica. "As pessoas acham que estou ganhando milhões com.

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.