Coronavirus: Índia proíbe exportação de máscaras e ventiladores


O governo indiano proibiu a exportação de máscaras, ventiladores e matérias-primas têxteis para máscaras e macacões.
O ministro do Comércio da Índia, Piyush Goyal, confirmou a notícia em um tweet e disse que a ação foi tomada em uma "tentativa de utilizar os recursos da nação para o bem-estar dos cidadãos indianos".
A notícia chega um dia depois que o país emitiu novas diretrizes, proibindo todos os vôos comerciais internacionais de passageiros de pousar na Índia a partir de 22 de março.
A diretiva estará em vigor por uma semana. 
Que outras medidas a Índia está tomando? O governo indiano está orientando os governos estaduais a aconselhar cidadãos acima de 65 anos e crianças abaixo de 10 anos a ficar em casa. Isso exclui representantes públicos, profissionais médicos e funcionários do governo. 
Os Estados também foram solicitados a fazer cumprir o trabalho em casa para funcionários do setor privado, exceto aqueles que trabalham em serviços essenciais ou de emergência.
Existem mais de 190 casos confirmados na Índia e quatro mortes.

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.